16 de setembro de 2021

Sobre a Pastoral Operária

O GANCHO | Boletim Informativo da Comissão Arquidiocesana da Pastoral Operária de Campinas - SP

Somos uma Pastoral Social a serviço da classe trabalhadora urbana, organizada, composta e dirigida pelos trabalhadores/as. Fazemos parte das Pastorais Sociais da Comissão para a Caridade, Justiça e Paz da CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. A Pastoral Operária é espaço para reflexão da vida dos trabalhadores e das trabalhadoras à luz da Bíblia e da Doutrina Social da Igreja. Atua como presença da Igreja junto à classe trabalhadora e presença da classe trabalhadora na Igreja, no compromisso de agir com o povo e não para o povo, com o objetivo de resgatar a cidadania plena e o protagonismo dos/as empregados/as formais, informais e desempregados/as, na construção da sociedade justa e solidária, tendo como chave, a questão do trabalho, dentro nossos desafios principais.

Visite sempre o site e as redes sociais da Pastoral Operária de Campinas – SP!

Pastoral Operária no Brasil

A Pastoral Operária no Brasil, com sua preocupação constante com as questões sociais, tem desempenhado um papel significativo na luta pelos direitos dos trabalhadores.

Primeiramente, é importante destacar que a Pastoral Operária surgiu no país na década de 1960, em meio a um período de intensa efervescência política e social.

Além disso ela se destaca por sua abordagem inclusiva e solidária, o que a diferencia de outras organizações religiosas.

No entanto, apesar de sua longa história e de sua contribuição notável para a conscientização dos trabalhadores, a Pastoral Operária enfrentou desafios ao longo do tempo.

Além disso, é importante observar que ela colabora ativamente com sindicatos e outros grupos que compartilham seus objetivos.